A carregar / Aguarde...
:: PTPAC ::ANTI-POP Festival 4ª Edição 2008

PTPAC

ANTI-POP Festival 4ª Edição 2008

Últimas notícias e confirmações

ANTI-POP Festival 4ª Edição 2008
Últimas notícias e confirmações
Sexta-feira, 25 de Julho de 2008



  • · JOSH WINK (Ovum/EUA) DJ SET

Este grande nome do novo som de Filadélfia, nas vertentes house e techno, é o grande destaque do Anti-Pop 2008. Depois de criar a editora independente Ovum Recordings em 1994, com o seu partner King Britt, Josh Winkelman (de seu nome completo) gravou o clássico “Liquid Summer”. De seguida, lançou vários temas por prestigiadas labels europeias, como a belga R&S Records ou a britânica XL Recordings. Em 1995, foi um dos primeiros DJs/produtores a traduzir o seu árduo trabalho em êxitos mainstream, com temas como “Don’t Laugh”, “I’m Ready” ou “Higher State of Consciousness”, que se tornaram clássicos de pista. Mais recentemente, criou grandes êxitos como “How’s Your Evening So Far?” (2000) e “Superfreak (Freak)” (2002), mas recuperou uma atenção redobrada sobre o seu trabalho com as suas remisturas para artistas como FC Kahuna, Paul Oakenfold, Ladytron, Clint Mansell, Sting ou Depeche Mode. Os últimos lançamentos (2007) revelam um assumido regresso revivalista do autor à estética acid: à compilação misturada Josh Wink’s Acid Classics, para a revista Mixmag, seguiram-se os máxis “Swirl” e “ThickAs Thieves”, assinados apenas como Wink.


 

  • · ANDRÉ GALLUZZI (Cocoon/Alemanha) DJ SET

Nascido em Frankfurt e criado em Wiesbaden, André Galluzzi radicou-se entretanto em Berlim. Iniciou a sua carreira de DJ em 1990, em clubes como o Parkcafe (Wiesbaden) ou o Dorian Gray (Frankfurt). Em 1992, começa a actuar no Bunker e, mais tarde, no Tresor (ambos em Berlim). Com Paul Brtschitsch, cria a editora Taksi, em 1995. Como produtor, o seu primeiro disco saiu em 2000.


 

  • · BILLY DALESSANDRO (Siteholder/EUA) LIVE ACT

Billy Dalessandro é um dos maiores responsáveis pela renovação do techno de Chicago. Movendo-se entre o techno e houseBilly no estúdio, onde se revela um produtor exímio e inovador. Com uma carreira iniciada em 2002 e repleta de 12”, este produtor já lançou os álbuns Midievalization (Resopal 2003), Starcity (Resopal 2006) e Into the Atom (Harthouse 2007). Em 2008, já lançou os máxis “Are You There?” (Siteholder), “Pump Kiss Pie”, em co-autoria com Expander (Soniculture) e “Soulchaser” (Harthouse). Pumping, groovy e minimal são as palavras mágicas. minimal, confere às suas produções uma sonoridade futurista, assente em fortes linhas de baixo e com um apelo irresistível à dança. Passou por várias editoras fundamentais da actualidade, como a Force Inc., a Resopal, a Harthouse Mannheim, ou a portuguesa Soniculture, tendo criado a Siteholder, no ano passado. O facto de ser engenheiro de som certamente facilitou a vida dele.


 

  • · GABRIEL ANANDA (Karmarouge/Alemanha) LIVE ACT

Outro nome fundamental da electrónica alemã actual, oriundo de Berlim, com carreira prolífera como produtor iniciada em 1997, que acaba de editar novos temas na compilação Traumschwiegersöhne da Karmarouge.


 

  • · GROBAS & INO (Galiza/Espanha) DJ SET

Da Galiza, vem este ano esta dupla oriunda da Corunha. DJ e produtor, Grobas foi um dos mentores da etiqueta Trasher Home Recordings, pela qual lançou os máxis “Feel Da Bass” e “That Day” (ambos em 2004) e “What’s That” (2005). Em 2008, não tem parado de produzir: gravou o tema “Walking on a Cloud”, para a In/Out Records; e “Bubby Dubby”, “Between You and Me”, “Critical Haze” e “Drozo”, todos para a DPress Industries. Ino é, também, um activo produtor, muito ligado à editora House Café Music. Iniciou a sua carreira com o tema “It’s Around” (2003). Os seus máxis mais recentes são “Sin Palabras”, “Take Control” e “You Are Not the Star” (todos em 2007) e “Galifornication” (2008).


 

  • · MARC HOULE (M_nus/Alemanha) LIVE ACT

Referência fundamental da estética minimal e da editora M_nus, de Richie Hawtin, o produtor berlinense Marc Houle começou a sua carreira em 2004. Até agora, editou os álbuns Restore (2004) e Bay of Figs (2006), e ainda o máxi “Techno Vocals” (2007). Além disso, tem feito remisturas para temas de Imiafan, Actual Jakshun, Jorge Savoretti, Slam, Troy Pierce, Ellen Allian & Apparat, Tractile e Marc Ashken.


 

  • · MARCO CAROLA (Plus 8/Itália) DJ SET

Nascido em Nápoles, em 1975, Marco Carola é hoje a referência primordial do techno italiano. Com uma extensa discografia editada a partir de 1995, este DJ e produtor tem actuado várias vezes entre nós desde 2000, em alguns eventos de techno. Em 2007, assinou pela editora canadiana Plus 8, criada por Richie Hawtin e John Acquaviva, pela qual já lançou os máxis “Apnea” (2007), “Plus One” e “Plus Two” (2008).


 

  • · MATHEW JONSON (Wagon Repair/Canadá) LIVE ACT

Consagrado produtor canadiano, autor do êxito “Marionette”, do EP de 2005 7.19 FM David, editado pela Wagon Repair, de que foi também co-fundador, além de assinar, desde 2000, remixes para artistas de diversas estéticas, dos Chemical Brothers ou Moby até Nelly Furtado.


 

  • · MODESELEKTOR (BPitch Control/Alemanha) LIVE ACT +

Modeselektor é uma dupla berlinense constituída por Gernot Bronsert e Sebastian Szary, com trabalho desenvolvido a partir de 2002, para a editora BPitch Control. Lançaram os álbuns Hello Mum! (2005) e Happy Birthday (2007) e, já este ano, editaram o máxi “Bettina (Ziech Dir Bitte Etwas An)”.

Pfadfinderei é um colectivo de design fundado em Berlim, em 1998. Entre muitos trabalhos de relevo, são responsáveis, por exemplo, por todo o design da editora BPitch Control. Explorando vários estilos visuais, imprimem a sua marca individual a cada projecto em que se envolvem, criando sempre um estilo único com a sua mistura de design gráfico, vídeo, tipografia, impressão, fotografia e, é claro, VJing.


 

  • · SASSE a.k.a. FREESTYLE MAN (Moodmusic/Alemanha) DJ SET

De origem finlandesa, Klas-Henrik Lindblad iniciou a sua carreira como DJ no final dos anos 80. Em 1996, ainda em Turku, criou a editora Moodmusic, que estreou com o lançamento do seu primeiro trabalho como produtor: Sasse presents… The Time Together EP. Mais tarde, mudou-se para Berlim e transferiu, também, a Moodmusic para a capital alemã. Tem desenvolvido uma intensa discografia, assinada não apenas como Sasse, mas com outros alter ego como Freestyle Man ou Sassomatic. Em 2007, foi co-produtor do tema “It’s All True”, que serviu de single de promoção do último álbum de Tracey Thorn, Out of the Woods. Os seus lançamentos mais recentes são os máxis “Belvedere” (2007) e “Mount Juneau” (2008).


 

  • · SLEEPARCHIVE (Sleeparchive/Alemanha) LIVE ACT

Durante algum tempo a identidade de Sleeparchive permaneceu um mistério e muitas das suspeitas dirigiam-se para duas das mais destacadas personagens da música electrónica: Richie “Plastikman” Hawtin e Mika “Pan Sonic” Vanio. Afinal tratava-se de Stephan Metzger, alemão de 29 anos, criador do projecto Skanfrom, enterrado em 2002, e desde então Sleeparchive, projecto e editora sedeados em Frankfurt e distribuídos pela Hard Wax. Mas as suspeitas tinham algum fundamento, dado que a sonoridade sofisticada criada por Sleeparchive, repleta de baixos pesados sob um groove áspero e abstracções electrónicas obscuras e hipnóticas, faziam crer que se podia tratar de uma colaboração entre estes dois génios da música electrónica. O mito morreu, mas só veio fortalecer o carisma gerado à volta do trabalho de um artista que fez regressar o techno minimal às suas origens, dando primazia à cena de Birmingham em detrimento de Colónia ou Berlim. Com uma sólida carreira iniciada em 2003, Sleeparchive lançou já este ano o EP Hadron. A reconhecida qualidade e consistência do seu trabalho fez com que fosse convidado a remisturar nomes como Monolake, Modeselektor, Regis, Metope ou Rhythm&Sound, e os seus temas inseridos em compilações de Sascha Funke, Tiefschwarz, Richie Hawtin, Miss Kittin ou The Hacker, o que demonstra bem o reconhecimento artístico dado uma personagem de quem ainda muito se espera.


 

  • · SUPERMAYER (Kompakt/Alemanha) DJ SET

A super dupla alemã que reúne Superpitcher e Michael Mayer, responsável por várias remisturas de sucesso, que lançou recentemente o seu álbum de estreia Save the World (2007). É, também, o regresso de Michael Mayer ao Anti-Pop, depois do seu memorável encerramento da 2ª edição do evento, em 2006.


 

  • · TIEFSCHWARZ (Souvenir/Alemanha) DJ SET

A mítica dupla dos irmãos berlinenses Ali & Bastian Schwarz, já bastante conhecida por frequentes actuações em Portugal, comemorou no ano passado os seus primeiros 10 anos de carreira. Além de inúmeras produções avulsas e remixes de sucesso para variadíssimos artistas, o seu percurso é também marcado pelos álbuns de canções RAL9005 (2001) e Eat Books (2005).


 

No que respeita a DJs portugueses, além de nomes ligados à “família” da OfirProd que têm já presença garantida no festival, assinalam-se este ano muitas outras estreias. O cartaz nacional é vasto e variado:

  • · MICRO AUDIO WAVES LIVE ACT

O destaque do cartaz português vai para o concerto dos Micro Audio Waves, uma das referências mais criativas e estimulantes da música portuguesa dos últimos anos. Este projecto de electro-pop surgiu em 2000, apenas como duo, composto por Flak (o guitarrista dos Rádio Macau) e C. Morgado (instrumentos electrónicos). Alargou-se, depois, a trio, com a valiosa entrada da vocalista Cláudia Efe. Até agora, lançaram três álbuns: Micro Audio Waves (2002), No Waves (2004) e Odd Size Baggage (2007).


 

  • · ANA FEEL (ofirprod.pt) DJ SET
  • · EXPANDER (site holder | kompakt | sonic culture) DJ SET
  • · FRESHKITOS (gare | ofirprod.pt) DJ SET
  • · FULL METAL FUNK [Zé Salvador & Tozé Diogo] DJ SET
  • · HEARTBREAKERZ (da providers) DJ SET
  • · HENRIQ (da providers) DJ SET
  • · INVADERS LIVE ACT DJ/VJ
  • · MAGAZINO (clasic | bloop | ofirprod.pt) DJ SET
  • · MIGUEL RENDEIRO (ofirprod.pt) DJ SET
  • · NUNO F (ofirprod.pt) DJ SET
  • · NUNO DI ROSSO (ofirprod.pt) DJ SET
  • · PEDRO RICCIARDI (frágil | ofirprod.pt) DJ SET
  • · RUI VARGAS (lux | ofirprod.pt) DJ SET
  • · YEN SUNG (lux | ofirprod.pt) DJ SET

Os passes para as três noites do festival encontram-se já à venda através da Ticketline (www.ticketline.pt), com um preço especial de promoção de 50 euros até ao dia 30 de Julho; Comprado no recinto, o mesmo passe de 3 dias custa 60 euros. O ingresso isolado para cada noite custará 25 euros.

Como já é habitual, o Anti-Pop encerrará, no domingo de manhã, com um after-hours no bar/esplanada Caffè del Rio, em Viana do Castelo. O passe de 3 dias dá direito à entrada nesta festa.

ALINHAMENTOS

QUINTA / 31 JULHO

20h00 – Henriq

21h00 – Heartbreakerz

22h30 – Full Metal Funk

00h00 – Miguel Rendeiro

01h30 – Expander

03h00 – GABRIEL ANANDA live

04h30 – JOSH WINK

07h00 – MARCO CAROLA

SEXTA / 01 AGOSTO

20h00 – Nuno F

21h00 – Magazino

22h30 – Grobas & Ino

00h30 – MICRO AUDIO WAVES live

01h30 – Invaders

01h45 – SLEEPARCHIVE live

03h00 – Freshkitos

04h30 – MODESELEKTOR & PFADFINDEREI live

05h45 – MARC HOULE live

07h00 – ANDRE GALLUZZI

SÁBADO / 02 AGOSTO

20h00 – Ana Feel

21h30 – Nuno Di Rosso

23h00 – Yen Sung

00h30 – BILLY DALESSANDRO live

01h30 – TIEFSCHWARZ

04h00 – MATHEW JONSON live

05h00 – Rui Vargas

07h00 – SUPERMAYER

AFTER-HOURS (CAFFÈ DEL RIO)

09h00 – Pedro Ricciardi

11h00 – SASSE aka FreeStyleMan


www.anti-popmusicfestival.com

www.myspace.com/antipopmusicfestival




Browse


2011, Setembro
2011, Maio
2011, Abril
2011, Março
2011, Fevereiro
2011, Janeiro
2010, Dezembro
2010, Novembro
2010, Setembro
2010, Julho
2010, Junho
2010, Maio
2010, Abril
2010, Março
2010, Fevereiro
2010, Janeiro
2009, Dezembro
2009, Novembro
2009, Setembro
2009, Julho
2009, Junho
2009, Abril
2009, Fevereiro
2009, Janeiro
2008, Novembro
2008, Outubro
2008, Setembro
2008, Agosto
2008, Julho
2008, Junho
2008, Maio
2008, Abril
2008, Março
2008, Fevereiro
2007, Dezembro
2007, Novembro
2007, Outubro
2007, Fevereiro
2007, Janeiro
2006, Dezembro
2006, Outubro
2006, Julho
 
Site realizado por www.ptpac.com | Desenhado para o FIREFOX, SAFARI, IE E OPERA | 1024 X 768